Power Ranking do CFB: Semana 12

Power Ranking do CFB: Semana 12

O penúltimo fim se semana regular da temporada foi muito ameno, sendo o único jogo realmente importante o confronto entre Wisconsin e Michigan. Todas as equipes do topo do ranking venceram facilmente seus jogos e assim nosso power ranking continuou exatamente como o da semana anterior. Confira:

Também receberam votos: Auburn (5), Georgia (5)  

Alabama (A)

Jogando contra uma equipe da FCS, já era claro que a maré vermelha iria passar como uma verdadeira maré sobre Mercer e o jogo foi apenas um treinamento de luxo para a equipe, principalmente para os jogadores reservas. Jalen Hurts jogou apenas até a metade do segundo tempo e ainda assim terminou com 180 jardas, três touchdowns e todos os sete passes foram certos. Seu backup, Tua Tagovailoa, também saiu com três touchdowns. Agora toda a atenção da SEC se volta ao Iron Bowl, que irá decidir se Auburn ou Alabama irá à final da conferência.
Placar: Alabama 56-0 Mercer
Próximo confronto: @ Auburn (25/11)

Miami-FL (A)

Kurt Benkert lançou para dois touchdowns no primeiro quarto e Miami já perdia por 21-14 no intervalo, com flashes do Playoff passando diante deles. Na volta do intervalo, Virginia marcou mais um touchdown, que só serviu de inspiração para os Canes. Miami reagiu com 30 pontos não respondidos, incluindo uma pick six de Jaquan Johnson, e Miami segue invicta na temporada. Malik Rosier terminou com 15 de 28 passes completos para 210 jardas, três touchdowns e duas interceptações. Benkert mostrou as falhas da defesa de Miami que não haviam sido expostas até então e conquistou 384 jardas aéreas no jogo. Porém, a defesa foi eficiente ao parar as 28 corridas dos Cavaliers para apenas 55 jardas.
Placar: Miami 44-28 Virginia
Próximo confronto: @ Pittsburgh (24/11)

Clemson (A)

Outro jogo estilo treinamento, Clemson enfrentou também uma equipe da FCS para acertar todos os ponteiros para a final da ACC em duas semanas contra Miami. Os três quarterbacks viram bons minutos dentro de campo e juntos somaram 479 jardas. Kelly Bryant acertou 17 de 22 passes para 230 jardas e três touchdowns. O principal corredor, Travis Etienne, só teve oito toques na bola, mas ainda conquistou 62 jardas, e o recebedor Tee Higgins recebeu seis passes para impressionantes 178 jardas, o que o deu uma média de 29,7 jardas por recepção. Semana que vem, os Tigers ainda enfrentam South Carolina, que ainda pode ser uma ameaça à boa reputação de Clemson.
Placar: Clemson 61-3 Citadel
Próximo confronto: @ South Carolina (25/11)

Oklahoma (A)

Apesar de atitudes anti-esportivas de Baker Mayfield durante o jogo, o quarterback se solidificou ainda mais como o preferido para vencer o Heisman com uma boa performance contra os Jayhawks. Em três quartos, Mayfield lançou para 257 jardas e três touchdowns. Kansas tem apenas uma vitória na temporada e assim a defesa dos Sooners não teve nenhuma dificuldade em parar Carter Stanley e seu ataque, que conseguiu apenas 155 jardas totais. A vitória deveria ter tido mais pontuações do lado dos Sooners, mas Lincoln Riley claramente não quis mostrar o quão superior seu time era. Os Sooners já estão com a vaga garantida na final da conferência.
Placar: Oklahoma 41-3 Kansas
Próximo confronto: vs. West Virginia (25/11)

Wisconsin (A+)

No primeiro teste real da temporada, muitos estavam divididos se Wisconsin realmente é uma equipe que possa brigar pelo Playoff ou não. E nada melhor que passar por Michigan e Jim Harbaugh para mostrar que seu time não pode ser descartado assim facilmente. Alex Hornibrook não teve sua melhor performance contra a ótima defesa dos Wolverines: ele acertou 9 de 19 passes para 143 jardas, um touchdown e uma interceptação. As equipes estavam empatadas no intervalo com um touchdown cada, porém no terceiro quarto, Hornibrook conseguiu passes importantes e difíceis para Wisconsin marcar 14 pontos e a defesa fechou completamente o caminho para Michigan, que só marcou três pontos no resto do jogo. Michigan foi segurada para apenas 58 jardas terrestres, e depois que Brandon Peters saiu com suspeita de concussão, John O’Korn conseguiu completar apenas dois passes para 19 jardas. Wisconsin agora só enfrenta Minnesota e já se prepara para enfrentar o melhor ataque que eles enfrentaram a temporada inteira na final da Big Ten contra Ohio State.
Placar: Wisconsin 24-10 Michigan
Próximo confronto: @ Minnesota (25/11)

Imagem: Bea Frank/The Badger Herald

Attachment

thais-chuva

Formada em Odontologia pela UFF, assiste mais a ESPN do que passa horas no consultório. Ela se apaixonou por Ohio State em 2002 quando os assistiu uma vitória ao vivo dos Buckeyes dentro do The Shoe e começou a acompanhar o College mais de perto em 2011. Também acompanha a Bundesliga, NBA e MLB. Outros times que disputam sua atenção são os New York Yankees e Bayern de Munique.