Power Ranking do CFB: Semana 10

Power Ranking do CFB: Semana 10

Mais uma semana, mais uma queda espetacular. Desta vez foi Ohio State que conseguiu perder para Iowa por uma diferença de 31 pontos. Com isso, os Buckeyes estão fora da conversa do College Football Playoff, o que deixou Oklahoma e Miami muito felizes.

Confira como ficou nosso Power Ranking depois da décima semana da temporada:

Também receberam votos: Miami (FL) (9), Oklahoma (5)

Alabama (B+)

No primeiro teste real da equipe na temporada, Alabama passou por LSU com um pouco de dificuldade. A defesa de LSU foi eficiente ao travar as corridas de Jalen Hurts e o limitou para apenas 44 jardas, mas o quarterback ainda conquistou 183 jardas aéreas mesmo acertando míseros 45% dos passes. Os outros corredores do melhor ataque terrestre da temporada não conseguiram muito avanço e somente Bo Scarbrough conseguiu alguma pontuação, ainda no início do segundo quarto. A defesa permitiu mais de 300 jardas, porém LSU só atravessou a endzone uma vez. No último quarto eles sofreram para parar o ataque dos Tigers várias vezes, e isso custou alguns jogadores que saíram lesionados.
Placar: Alabama 24-10 LSU
Próximo confronto: @ Mississippi State (04/11)

Georgia (A-)

Neste fim de semana, os Bulldogs garantiram o título da SEC leste e estarão na final da conferência. Na vitória sobre South Carolina, Jake Fromm foi excelente, acertando 72% dos passes com 196 jardas e dois touchdowns. Nick Chubb e Sony Michel mais uma vez tiveram performances excepcionais, somando 183 jardas com um touchdown de Michel. A defesa foi espetacular ao permitir apenas 270 jardas, sendo 43 terrestres. Agora Georgia apenas espera o fim da temporada para tentar conquistar o título da conferência pela primeira vez desde 2005.
Placar: Georgia 24-10 South Carolina
Próximo confronto: @ Auburn (11/11)

Notre Dame (A-)

710 jardas. Sim os Irish conseguiram impressionantes 710 jardas contra os Demon Deacons. Tudo bem que a defesa permitiu 587 jardas, mas o que Notre Dame fez no chão é de se aplaudir. Sete jogadores diferentes correram para somar 383 jardas, incluindo 110 do quarterback Brandom Wimbush. No ar Wimbush foi razoável, acertando apenas 50% dos passes para 280 jardas e um touchdown, porém ele teve que sair do jogo com uma lesão. Seu reserva, Ian Book, foi perfeito acertando seus oito passes para um touchdown. Sem uma divisão para tentar vencer algum título, os Irish devem vencer Miami no próximo sábado para continuar na disputa do Top 4.
Placar: Notre Dame 48-37 Wake Forest
Próximo confronto: @ Miami (FL) (11/11)

Wisconsin (B-)

Antes haviam 3, agora Wisconsin é a única ameaça real da Big Ten para o Playoff. Alex Hornibrook foi bem no jogo com 158 jardas, dois touchdowns e uma interceptação. A estrela do time, o running back Jonathan Taylor, voltou após uma lesão e conquistou 183 jardas e um touchdown. A defesa permitiu apenas 40 jardas terrestres e apenas 20 minutos de posse de bola para os Hoosiers. Wisconsin ainda não venceu nenhuma equipe ranqueada, porém joga este próximo sábado contra Iowa, que humilhou Ohio State neste fim de semana. É uma oportunidade para os Badgers mostrarem do que são feitos.
Placar: Wisconsin 45-17 Indiana
Próximo confronto: vs. Iowa (11/11)

Clemson (A)

De volta ao nosso Top 5 com a queda de Ohio State está Clemson. Praticamente decidindo a ACC Atlântica, Clemson conseguiu passar pelo Wolfpack. Kelly Bryant não foi bem, acertando 52% dos passes para um touchdown e uma pick. O jogo terrestre salvou os Tigers, com dois touchdowns do quarterback e outro de Tavien Feaster, que conseguiu 105 jardas, sendo uma corrida de 89 para o touchdown. Os Tigers perderam na briga pelo relógio, com quase 10 minutos a menos de posse de bola, e também em jardas totais, com quase 80 jardas a menos. Porém, a defesa conseguiu parar quando necessário, principalmente no último quarto, quando NC State tentou a virada e marcou 10 pontos. Clemson agora controla o próprio destino na divisão.
Placar: Clemson 38-31 North Carolina State
Próximo confronto: vs. Florida State (11/11)

Attachment

thais-chuva

Formada em Odontologia pela UFF, assiste mais a ESPN do que passa horas no consultório. Ela se apaixonou por Ohio State em 2002 quando os assistiu uma vitória ao vivo dos Buckeyes dentro do The Shoe e começou a acompanhar o College mais de perto em 2011. Também acompanha a Bundesliga, NBA e MLB. Outros times que disputam sua atenção são os New York Yankees e Bayern de Munique.