Mesmo após vitória no Holiday Bowl, Minnesota demite o treinador Tracy Claeys

Mesmo após vitória no Holiday Bowl, Minnesota demite o treinador Tracy Claeys

Mais um treinador caiu e não, não é o Brasileirão. Dessa vez, foi embora Tracy Claeys que, mesmo com a vitória no Holiday Bowl frente à Washington State, foi demitido do cargo de treinador principal dos Golden Gophers.

O diretor atlético da universidade de Minnesota Mark Coyle anunciou a demissão dizendo que buscava que o programa de Futebol Americano fosse por outro caminho. Segundo Coyle, o reitor da universidade Eric Kaler era totalmente a favor da decisão e que o novo treinador será admitido em breve.

Os jogadores de Minnesota, por outro lado, não gostaram muito da decisão. O quarterback Mitch Leidner também falou sobre a mudança e teceu comentários pouco agradáveis em direção a Coyle.

“É muito triste. Os nossos jogadores estão com o treinador Claeys e todo o staff em 100%. É um dia muito triste para o programa de futebol americano de Minnesota. É estranho que a administração demita um treinador para elevar os jogadores nesse momento. Será muito desafiador para o outro treinador que queira vir para o programa em meio a essa situação.”

“Essa situação” que Leidner cita em seu anúncio são os problemas de assédio sexual que alguns jogadores dos Gophers foram acusados e que gerou um problema entre os jogadores e a administração da faculdade, fato no qual quase levou a um boicote dos atletas ao Holiday Bowl. Muitos acreditam que a demissão do treinador tenha se dado justamente por ele ter dado apoio e por ter aderido ao boicote de treinamentos por dois dias.

Os Gophers venceram nove jogos pela primeira vez desde 2003, tiveram uma campanha de 9-4 nessa temporada e terminaram com uma vitória contra Washington State no Holiday Bowl por 17-12.

Alguns nomes já largam na frente para assumirem o cargo em meio a um turbilhão de problemas. Os mais cotados para o posto são PJ Fleck, treinador de Western Michigan, Dave Aranda, coordenador defensivo de LSU, e Bryan Harsin, técnico de Boise State. Contudo, Minnesota gosta de surpreender nas suas escolhas para treinador e outros nomes podem surgir, tais como Tony Dungy, que tem em Minnesota sua alma mater, mas que já declarou que sua carreira como treinador chegou ao fim.

Attachment

pedro-ivo

Pedro Ivo tem 25 anos e se formou em Jornalismo em 2016. Começou a acompanhar a NCAA em 2010, quando foi morar em Vancouver. Em visita à cidade, estava sem dinheiro para ir a um jogo do Seattle Seahawks e aceitou ir ver um jogo de Washington, já que o ingresso era bem mais barato. Os Huskies venceram UCLA por 24-7 de virada e ali começou uma paixão pelo time roxo da Pac-12.