O Melhor e o Pior da Semana 6: Pac-12

O Melhor e o Pior da Semana 6: Pac-12

Texto por Sérgio Magalhães

Na semana 6 da PAC-12 não tivemos grandes surpresas. Com o calendário completamente dentro da conferência, isto é, com todos os times enfrentando outras equipes da própria PAC-12, todos os considerados favoritos saíram com a vitória. A exceção foi o confronto entre Stanford e o ex-programa ranqueado em #20 Utah. Esses dois protagonizaram uma troca dentro da AP Poll, com o Cardinal indo para #23 e os Utes saindo do ranking. As outras equipes ranqueadas são #5 Washington, #8 Washington State e #13 USC.

O Melhor:

Stanford é um programa tradicional e que começou bem ranqueado, mas após duas derrotas no início do campeonato despencou vertiginosamente. Por isso e por encarar uma Utah bem regular não eram favoritos. Mas a cada semana que passa, os torcedores californianos sentem menos falta de Christian McCafrey. Bryce Love tomou de assalto o backfield desta que é uma das mais conhecidas universidades do país.

Washington State Cougars

Estou desde domingo pensando em como não ser repetitivo sobre essa campanha que, confesso, está me encantando. Tudo bem que como torcedor de LSU, qualquer campanha invicta me enche os olhos, mas isso não vem em consideração. É impressionante o que os programas de Washington estão fazendo esse ano. Notadamente, o
Washington Huskies já vem de boas campanhas no passado recente, tendo figurado no College Football Playoffs em 2016. Porém, o primo pobre do estado, liderado por Luke Falk, que também já ganhou minha atenção, é quem vem roubando a cena. Não que os Huskies estejam fazendo feio, pelo contrário, seguem invictos e atropelando o que encontram, mas ainda sem um grande teste – além de ser um programa do qual, ao menos esse ano, se espera
algo grande. Já dos Cougars, não. Porém, essa universidade de Pullman, no “interior” do estado de Washington vem mostrando que quer ser grande também.

Na semana que se passou, o time vermelho do estado amassou o Oregon Ducks, que outrora já esteve ranqueado, enquanto o time roxo atropelou Califórnia, que vem de uma temporada horrível, mas vai tentando se reencontrar.
O último duelo do ano é entre as duas, e adoraria que ambas chegassem invictas até lá, ou ao menos, com chances reais de Playoffs. Com certeza o estado pararia e se dividiria para esse jogo que teria tudo para se épico. Entretanto, o esperado, é que ao menos os Cougars tropessem até lá. A esperança é que eles não tem feito o que se espera deles.

Uma curiosidade; a personagem Anastácia Steele, eu lírico do livro e filme, 50 tons de cinza, estuda e se forma em Washington State.

O Pior:

Se temos o estado de Washington se destacando, o estado de Oregon é quem vem decepcionando. Ambos tem duas faculdades na primeira divisão do College, assim como as duas já apresentadas, em Oregon, elas também tem o nome semelhante ao estado em que se situam, se diferenciando entre si pelo “State”.

Oregon Ducks é um dos principais programas do pais, sendo assim como os Huskies, a maior força de seu estado, tendo até mesmo disputado os playoffs no ano de sua inauguração, 2014, como #2. Porém o programa vem decepcionando esse ano, lutando para se manter ranqueada e com derrotas já bem pesadas negativamente. Além da dessa semana, por 23 pontos de diferença para os liderados por Luke Falk, também perderam para o irregular Arizona State na semana 4. O que deixa a equipe com 4-2 (0-2 na conferência) e em quarto lugar na sua divisão. Pra piorar, ainda enfrenta duas equipes ranqueadas e Utah, que estava até ontem.

Se o “primo pobre” do estado vizinho faz uma campanha irretocável e com ares de superação, não se pode dizer o mesmo do combalido Oregon State Beavers. Após contratar um treinador com boas campanhas recentes, Gary Lee Andersen foi demitido na última semana após 3 anos e recorde de 7 vitórias e 23 derrotas. Os Beavers acbam segurando a alcunha de pior time do seu estado e também de patinho feio da PAC-12, sendo atualmente
imperdoável para outro time perder para Oregon State.

Sam Darnold é apontado como principal QB do college, mas apesar da vitória de USC, ele jogou de maneira bem razoável e sofreu esse fumble para o Gasparzinho:

A melhor jogada:

Mais uma semana com uma bela atuação de Luke Falk, e nesse vídeo, os melhores momentos do quarterback sênior dos Cougars:

Mas a melhor jogada, fica por conta de Bryce Love, corrida quebrando tackles pelo meio da linha:

RESULTADOS DA PAC-12 NA SEMANA 6:

Colorado Buffaloes 42-45 Arizona Wildcats
Oregon Ducks 10-33 #11 Washington State Cougars
#20 Utah Utes 20-23 Stanford Cardinal
#6 Washington Huskies 38-7 California Golden Bears
#14 USC Trojans 38-10 Oregon State Beavers

JOGOS DA PAC-12 NA SEMANA 7:

Sexta-feira (13/10):
23:30: California Golden Bears x #8 Washington State Cougars

Sábado (14/10)
17:00: Oregon State Beavers x Colorado Buffaloes
21:00: #13 USC Trojans x Utah Utes
22:00: Arizona Wildcats x UCLA Bruins
23:45: Arizona State Sun Devils x #5 Washington Huskies
01:00: #23 Stanford Cardinal x Oregon Ducks

Attachment

carlosmassari

Carlos Massari é graduado em Comunicação Social - Midialogia pela Unicamp e atualmente faz pós-graduação em Jornalismo Esportivo. É viciado em todos os tipos de esportes. Cinema, cervejas e viagens também o fazem feliz.