Jogos secundários da semana 13 que você precisa assistir

Jogos secundários da semana 13 que você precisa assistir

A semana 13 do College Football é algo diferente de absolutamente tudo. Seja por conta dos clássicos, do clima festivo da semana de ação de graças, black friday e tudo mais, além da questão de termos vários jogos decisivos, tornam o último final de semana do mês de novembro em algo diferente e interessante. Listamos algumas partidas que acreditamos que sejam interessantes de acompanhar neste sábado, independente da condição que algumas equipes se encontram. Todos os horários abaixo são de Brasília. Confira:

Florida State Seminoles (4-6) vs. Florida Gators (4-6)

Horário: 15 horas
Local: Ben Hill Griffin Stadium, Gainesville, Flórida
Cotação: FSU é favorita por 5.5 pontos
Histórico: Florida lidera a série 34-25-2

Essa não é uma rivalidade tão antiga – o primeiro embate é datado de 1958. Desde os anos 70, o mesmo acontece no sábado após o feriado de ação de graças. Ambos os programas fazem nesse ano campanhas bem abaixo do esperado e do normal. Enquanto FSU é sempre uma das favoritas na ACC, os Gators vem sendo o principal candidato na SEC Leste dos últimos anos. Porém, a ausência de qualidade na posição de quarterback parece ter cobrado seu preço para ambos os lados.

Caso FSU vença o jogo, será sua quinta vitória seguida no confronto, o que se tornaria sua maior sequência de vitórias no confronto na história. Porém, ainda fica um pouco longe das nove vitórias seguidas que sofreram entre 1968 e 1976.

Os números nos dizem que esse será um jogo feio. Vemos dois ataques claudicantes, com 24 pontos por partida em média para FSU e 22 para os Gators. O mais difícil é saber quem vai aproveitar os erros do adversário, pois prever que as equipes errarão parece óbvio. Ambas cedem mais jardas do que ganham e aquela que conseguir impor seu ritmo, provavelmente lento, mas funcional, sairá na vantagem.

Vale lembrar que Florida State ainda possui chances de Bowl Season por ter reagendado sua partida contra Louisiana-Monroe para a próxima semana. Mas antes disso precisa vencer Florida.

Fresno State Bulldogs (8-3) vs. #23 Boise State Broncos (9-2)

Horário: 18h30
Local: Bulldog Stadium, Fresno, Califórnia
Cotação: Boise State é favorita por 7,5 pontos
Histórico: Boise State lidera a série por 13-5

O duelo é peculiar. As duas equipes já venceram suas divisões – Boise State venceu a Divisão Mountain da Mountain West e Fresno State venceu a Divisão Oeste – ou seja, ambas as universidades se enfrentarão novamente na semana que vem para decidir o ganhador da conferência. Quis o calendário que elas jogassem uma semana antes, numa espécie de amistoso para reconhecimento do rival, sem quase nenhum valor para o campeonato.

Isso não quer dizer que o jogo será ruim. Os dois programas fazem uma ótima temporada e vão em busca da vitória para chegarem ainda mais motivadas na partida da semana que vem. Enquanto os Bulldogs jogam seu Senior Day, os Broncos jogam para permanecer no Top 25 e, quem sabe, buscar a vaga em um New Year Six’s Bowl.

Dentro de campo, a promessa é de que veremos grandes performances defensivas. As duas equipes lideram a Mountain West em sacks – Boise State tem 28 e Fresno State 26 – além de se destacarem pela agressividade defensiva, forçando inúmeros turnovers de seus adversários. Diante de um cenário tão equilibrado quanto esse, o placar deve ser decidido a favor da equipe que vier para a partida mais focada em seus objetivos. Mas vale lembrar que semana que vem é outro jogo, e começa zero a zero.

#4 Oklahoma Sooners (10-1) x West Virginia Mountaineers (7-4)

Horário: 18h45
Local: Memorial Stadium, Norman, Oklahoma
Cotação: Oklahoma é favorita por 22,5 pontos
Histórico: Oklahoma lidera a série por 7-2

Oklahoma e West Virginia entrarão em campo no sábado, em Norman, sem seus quarterbacks titulares. Os motivos e o quanto tempo eles ficarão fora, porém, são bastante diferentes: enquanto Baker Mayfield será punido por um ano de indisciplina e não começará a partida, mas provavelmente jogará a maior parte dela, Will Grier tem uma lesão no dedo de sua mão lançadora e não tem condições de jogo.

A missão dos Mountaineers será de vencer fora de casa um dos quatro melhores times do país com seu quarterback reserva. Não parece nada fácil. Oklahoma é favorita por 22,5 pontos, número que faz jus à diferença entre os dois times quando Grier está indisponível. A melhor chance dos visitantes será se os Sooners não se importarem muito com o confronto, já que a final da Big 12 já está garantida e uma vitória nela pode ser suficiente para carimbar a vaga nos playoffs. Com a imprevisibilidade do comitê, porém, é melhor não arriscar.

#24 South Carolina Gamecocks (8-3) vs. #3 Clemson Tigers (10-1)

Horário: 22h30
Local: Williams-Brice Stadium, Columbia, South Carolina
Linha: Clemson é favorita por 13,5 pontos
Histórico: Clemson lidera a rivalidade por 68-42-4

A rivalidade em si já transforma esse confronto em um jogo interessante, mas há mais do que isso reservado para sábado. South Carolina faz uma temporada sólida e já tem sua vaga na Bowl Season garantida. Além disso, os Gamecocks tem tudo para melhorar em 2018 através do bom trabalho feito pelo treinado Will Muschamp. Junte tudo isso a uma chance de estragar a temporada de um grande rival e terá a motivação da equipe de South Carolina para essa partida.

Clemson não tem espaço para mais derrotas em seu calendário. Na semana passada, a equipe caiu de #2 para #3 no ranking mesmo vencendo sua partida, o que pareceu soar como uma grande aviso de “vença suas próximas partidas ou dê adeus as chances de playoffs”. Para seguir no top 4, a atual campeã nacional precisa vencer os Gamecocks fora de casa e vencer Miami na final da ACC, missão um tanto quanto difícil, porém possível para os Tigers.

Diante de tudo isso, é possível prever um jogo bastante físico, principalmente por parte da defesa de South Carolina, que forçará o quarterback de Clemson Kelly Bryant pensar rápido e arriscar alguns passes. Por outro lado, a fantástica defesa de Clemson será certamente uma pedra no sapato dos running backs de South Carolina, que buscarão o jogo com mais frequência. O detalhe deve decidir por aqui, ainda que os Tigers possuam mais chances de sair vitoriosos.

Foto: Otto Kitsinger III/Getty Images

Attachment

sergio-magalhaes

Estudante de Engenharia, apaixonado por esportes universitários, suas histórias e bastidores. Tentando relacionar geopolítica e aspectos econômicos com o esporte, ou apenas me emocionando com ele. Clubista quando se trata da LSU. Geaux Tigers!